7 pessoas morrem depois de terem bebido desinfetante das mãos depois de terem ficado sem álcool numa festa

 

7 pessoas acabaram por morrer depois de terem bebido desinfetante das mãos após terem ficado sem álcool numa festa.

O incidente ocorreu na Rússia e pelo que foi reportado, ainda existem duas outras pessoas em coma nos cuidados intensivos.

Um grupo de nove pessoas decidiu beber desinfetante das mãos anticético depois de terem ficado sem álcool numa festa que estavam a dar em Tomtor, no distrito de Tattinsky, em Yakutia.

As primeiras três vítimas foram uma mulher de 41 anos de idade e dois homens com 27 e 59 anos. Os seis restantes foram levados para um hospital próximo e um dia depois, mais três homens acabaram por falecer, sendo que no dia a seguir foi reportada mais uma morte.

 

A entidade de saúde pública Rospotrebnadzor lançou um comunicado onde explicou: “Nove casos de envenenamento com desinfetante das mãos foram registados, sendo que sete foram fatais”.

Aqueles que foram à festa decidiram beber desinfetante que continha 69% de metanol e que tinha sido comprado durante a pandemia provocada pelo coronavírus.

Não sabemos se o mais bizarro foi a situação em si ou o facto de uma festa na Rússia ter conseguido acabar sem álcool.

RIP.