A internet é controlada por 14 pessoas que possuem 7 chaves secretas

 

Pode parecer que se trata de ficção científica mas a Internet é na verdade controlada por um grupo de pessoas que guardam chave para a manter um lugar mais seguro. Em 2014, o jornalista do The Guardian, James Ball, foi convidado para uma cerimónia em que estavam as pessoas que guardam as chaves. Estas pessoas, designados de keyholders, controlam uma das medidas de segurança centrais da web usando a sua chave.

Os keyholders encontraram-se 4 vezes no ano de 2010 para gerar a nova chave mestra ou a nova password. Ninguém pode simplesmente ir a esta cerimónia. Ball descreve as medidas de segurança como intensas e compara com medidas usadas durante visitas presidenciais ou lançamentos de códigos nucleares. Como foi reportado por Ball, tem de se passar por muitas portas trancadas com scanners de mão e uso de códigos chave para poder entrar para uma sala segura.

Os keyholders que realizam esta cerimónia fazem parte de uma organização chamada Internet Corporation for Assigned Names and Numbers (ICANN). A ICANN associa endereços numéricos únicos a endereços normais da web para que seja mais fácil para a pessoas pesquisarem os mesmos.

 

Irão realizar uma cerimónia para definir a nova chave mestra para controlar a base de dados do ICANN.

Entrar na reunião envolve medidas de segurança rígidas.

Se alguém sem autorização tiver acesso à base de dados da ICANN, essa pessoa pode controlar a Internet. Ter a oportunidade de mudar a chave mestra é uma parte de um esforço global para tornar a Internet um sistema mais seguro. Todas as reuniões envolvem a autenticação de cada endereço, que deve controlar propagação de websites falsos e maliciosos que consigam hackear os computadores das pessoas e roubar informação pessoal.

Vê o vídeo da cerimónia onde a chave mestra foi gerada em 2010: