A Netflix não quer que partilhes mais a tua conta: fica a saber o que pode vir a mudar

 

Estás cansado de passar a tua palavra-passe da Netflix a mais pessoas ou até de utilizar a conta de outra pessoa? Pois bem, a própria empresa parece estar também decidida a colocar um ponto final a isso, pois anunciaram que já não permitirão a passagem de palavras-passe entre utilizadores.

Portanto, se está a usar a conta do cunhado da namorada do teu irmão, dos teus tios mais afastados ou até a conta do teu cão que é intelectualmente superior, só temos a lamentar.

A empresa de streaming mais popular do mundo está a testar uma nova funcionalidade que pode ajudar a parar a partilha de palavras-passe. Como? Através de alertas, o objetivo é pedir ao utilizador principal para verificar se outros perfis estão autorizados nessa conta antes de poderem continuar a desfrutar do seu conteúdo.

De acordo com a declaração feita pela empresa, este teste foi concebido para ajudar a garantir que as pessoas que utilizam contas Netflix estão autorizadas a fazê-lo. Mas não é tudo, uma vez que os termos de serviço da empresa indicam que as contas não podem ser partilhadas com pessoas fora da sua casa, pelo que muito provavelmente identificarão os utilizadores pela sua localização.

 

A partir de agora, quando um utilizador entrar no perfil de uma conta partilhada, um aviso de segurança pedirá ao utilizador para confirmar através de um código enviado para o telefone ou e-mail registado pelo titular da conta.

Se o utilizador não fornecer os dados ou não puder confirmar ser um utilizador autorizado, será pedido à pessoa que crie uma nova conta. Assim, é o verdadeiro adeus aos que vêem Netflix “à pendura”.

Felizmente para muitos, esta nova funcionalidade ainda se encontra em fase de teste e está a ser lançada para um número limitado de utilizadores.

Mas se eles são tão ricos, porque é que querem implementar esta funcionalidade?

Bem, ainda que a audiência da Netlix tenha disparado quase 50% durante a pandemia, à medida que a pandemia se normaliza e todos nós regressamos às nossas atividades normais, o espectador deixará de ver tanto tempo, o que representa um desafio para a empresa que também tem de competir contra uma série de serviços de streaming que se estão a tornar cada vez mais populares. É por isso que a Netflix e até outras plataformas têm estado a procurar formas de lidar com a partilha de contas.