Avózinha de 103 anos de idade vence a COVID-19 e celebra com uma cerveja bem gelada

Jenbnie Stejna tem 103 anos de idade e apanhou COVID-19 no lar onde habita, na cidade de Wilbraham, em Massachusetts.

 

Felizmente, conseguiu ultrapassar a doença e para celebrar, decidiu beber uma cerveja fresquinha. Com 103 anos de idade. Que maravilha.

De acordo com a sua neta Shelley Gunn, a avózinha começou a ter alguns sintomas, sendo que foi logo encaminhada do lar para o hospital. Infelizmente, a sua condição piorou e os médicos consideraram que ela tinha muito pouca probabilidade de sobreviver, tendo até chamado a família para que se despedisse dela.

O marido de Jennie morreu aos 82 anos, em 1992, depois de 54 anos de matrimónio, dois filhos, três netos, quatro bisnetos e três trisnetos.

Felizmente, tudo correu pelo melhor e a senhora conseguiu dar a volta por cima.

Para celebrar, os médicos permitiram que ela desfrutasse da sua bebida favorita: uma cerveja Bud Light bem fresquinha.

Enorme.