Directora de jardim de infância despedida por ter organizado uma dança no varão para crianças de 3-6 anos

 

Se há uma coisa que é clara nos estabelecimentos de ensino, é que as regras que permitem aos estudantes e professores viverem juntos de forma adequada devem ser respeitadas.

E bem, no jardim de infância Xinshahui em Shenzhen, na China, a própria directora de uma escola foi despedida após a sua instituição ter acolhido um evento com mulheres a dançar no varão em roupas curtas. O chocante é que foram crianças entre os 3 e os 6 anos de idade que tiveram de testemunhar esta actividade.

Tudo isto aconteceu durante o início do ano lectivo, onde normalmente se realizam diferentes planificações e eventos para iniciar um novo ciclo educativo.

Vê por ti:

 

O evento contou com a presença de cerca de 100 representantes que ficaram indignados com o que viram, de acordo com a CNN. A directora da escola, Lai Rong, argumentou que se tratava de ensinar um novo tipo de dança às crianças. O que ficou claro, porém, foi a inadequação deste evento e as delicadas consequências que o evento teve para as crianças.

O jornalista britânico Michael Standaert, de Shenzhen, cujos filhos estudavam nesta instituição, denunciou inclusive o que se passou aqui, por ser prejudicial para as crianças. Na verdade, ele decidiu até na altura tirar os seus filhos da escola.

Que situação…