Eis as razões que fazem a “parreca” cheirar a bacalhau

 

É muito comum ouvirmos dizer que as partes íntimas femininas têm um odor “a bacalhau”, algo que não é motivo de vergonha. Afinal, é normal em todas.

Mas se esse tal “cheiro a bacalhau” for demasiado forte, é provável que estejam alguns problemas de saúde associados a esse cheiro, pelo que é necessário apoio médico. A seguir, trazemos-te algumas razões que potenciam o cheiro a bacalhau da “parreca”…

1. Exercício

Dentro das pernas e da v*lva existem glândulas a produzir suor, que se activam na puberdade e que proporcionam uma sensação de maior humidade e, por conseguinte, um cheiro mais intenso.

2. Ciclo menstrual

Há um odor específico, muito peculiar aqui. Um odor idêntico ao do bacalhau mas não significa necessariamente que seja mau. Ainda assim, se a deixares muito tempo por lavar, pode tornar-se desagradável…

3. Intimidade

 

Depois de estares com o teu companheiro/a, podes sentir um odor diferente na tua “parreca”, devido ao contacto íntimo do s*men. O pH da tua “parreca” fica mais ácido, o que ocasiona esse cheiro.

4. Infecções

Um cheiro mais forte do que o normal pode significar fungos e/ou bactérias, que afectam as mulheres independentemente da sua idade. Um dos factores de infecção é precisamente o odor.

5. Roupa interior de algodão

Pois é, se usares muita roupa interior de algodão e a roupa não estiver bem ajustada à tua “parreca”, isso pode reflectir-se no cheiro da mesma.

6. Dormir sem roupa interior

É importante que os teus genitais possam respirar e assim evitar ambientes húmidos, que são a causa das bactérias que provocam mais odor.

7. Higiene em excesso

Muitas vezes, as mulheres tentam evitar que a “parreca” fique a cheirar mal através de duches internos e sabonetes especializados. A verdade é que a higiene em excesso pode ser um problema, pois pode irritar a “parreca”, tornando-a mais propícia a infecções…