Elites russas estão, alegadamente, a planear o assassinato de Vladimir Putin

 

Vladimir Putin poderá estar a ser encurralado, sendo que uma fuga de informações veio revelar que um “grupo de pessoas influentes” da elite russa está a formular um plano para derrubar o presidente da Rússia.

Os serviços secretos do Ministério da Defesa da Ucrânia afirmam ter interceptado informações que indicam que os infiltrados do Kremlin estão a conspirar para se livrarem do presidente o mais depressa possível, de acordo com o que reportou o Mirror.

A Direcção Chefe dos Serviços Secretos da Ucrânia revelou que o plano é acabar rapidamente com a sua vida por “envenenamento, doença súbita, ou qualquer outra ‘coincidência'”.

 

Os serviços secretos sugerem que as perdas em massa sofridas pelas forças chechenas no norte da Ucrânia podem ter despoletado a alegada conspiração. A mesma fonte relata até que um sucessor de Putin já foi escolhido sob a forma do director do FSB, Alexander Bortnikov.

“É sabido que Bortnikov e alguns outros representantes influentes da elite russa estão a considerar várias opções para retirar Putin do poder. Em particular, o envenenamento, doença súbita, ou qualquer outra ‘coincidência’ não está excluída”.

A agência de segurança interna russa assumiu o lugar do infame e brutal KGB após o colapso da União Soviética.

O que dizer?