Este é o estabelecimento nocturno mais exclusivo do mundo: situa-se na Alemanha e há regras estritas para poder entrar

 

Existem milhares de bares e clubes no mundo para todos os gostos. Existem as que estão abertas ao público e onde se pode ouvir música da moda, rock, indie ou electrónica e, por outro lado, há as mais exclusivas, onde te são oferecidas bebidas caras, espectáculos incríveis e onde o teu nome precisa de estar numa guest list especial para poderes estar lado a lado junto das pessoas mais influentes do planeta.

A discoteca Berghain está localizado em Berlim, Alemanha, e é actualmente considerado o local mais exclusivo para ouvir música electrónica na Terra e o mais difícil de entrar devido à sua longa lista de regras que devem ser seguidas.

Conhece-a melhor…

O Berghain despertou a curiosidade de todos os meios de comunicação e do público em geral devido às longas filas, por vezes de até três horas, que as pessoas faziam fila para entrar, apesar de nem sempre lhes ser concedida a entrada.

Antes de ser chamado Berghain em 1998, a discoteca era conhecida como Osgut. Hoje é um espaço enorme que está dividido em três áreas principais, duas para o público e a terceira é exclusivamente para clientes herdados do seu passado como Osgut.

A disposição interior do clube é dominada por uma enorme pista de dança de 18 metros de altura, contida por uma sala principal cavernosa e um espaço mais pequeno no andar de cima, pertencente à “barra panorâmica”, que tem vista para a zona este de Berlim. Para além disso, diz-se que a cave é dedicada aos paroquianos gays que frequentam o clube desde as suas origens.

Tal como em Las Vegas, o que acontece em Berghain fica em Berghain, porque lá podes fazer o que quiser, com total liberdade, desde que não cometas um crime. Contudo, quando abriu as suas portas para herdar o espírito do antigo Ostgut, foi estabelecido um sistema de admissão que se tornou uma lenda e um banquete para os fofoqueiros e ociosos. Eis as regras que deves seguir para fazer parte desta discoteca…

1. Calma com os copos à entrada

A primeira regra é simples, os seguranças não estão dispostos a fazer horas extraordinárias, por isso, se te virem chegar com alguns copos a mais em cima, é provável que não te deixem entrar. Uma vez lá dentro, no entanto, podes beber o que te apetecer.

2. Sê amável e procura demonstrar interesse

Naturalmente, comportares-te de forma civilizada pode ganhar pontos a teu favor. O importante é mostrar que não estás à procura de problemas e que te estás apenas a divertir.

 

3. Dress code

A primeira coisa que os seguranças vêem assim que olharem para ti são as roupas que escolheste usar e, de acordo com os peritos da entrada da Berghain, deverás usar roupas de cor escura adornadas com acessórios interessantes, tais como pulseiras de couro, por exemplo.

Mas a roupa não faz o monge (pelo menos não completamente) e a tua atitude precisa de combinar com a tua roupa. Assim, veste roupa fabulosa e age da mesma maneira, mas cuidado para não forçares demasiado, porque podes acabar por não entrar.

4. Estuda o ABC do techno

Esta discoteca tem a sua própria editora discográfica, Ostgut Ton, que praticamente só produz música techno, por isso, se conseguires provar que tens algum conhecimento geral do género, quase que tens um pé na porta. Testemunhas afirmam que responder a um questionário rápido sobre o assunto por parte dos seguranças tem sido o passaporte de entrada para alguns sortudos.

5. Câmaras e telemóveis são proibidos

Talvez a regra mais importante de todas, com o intuito de manter o mistério e a exclusividade: é importante que ninguém saiba o que se passa dentro das instalações da discoteca. Se fores apanhado a falar ao telemóvel enquanto estás na fila ou a tirar fotografias enquanto esperas, certamente não te será permitido fazer parte da diversão.

Mesmo quando te for concedido acesso, os seguranças selarão as câmaras com autocolantes e poderão solicitar que os telemóveis ou outros dispositivos sejam deixados para trás ou desligados, uma vez que o que se passa dentro da Berghain não deve ser divulgado.

6. O momento perfeito

Embora as sessões da discoteca sejam notórias por se estenderem durante todo o dia, sendo que já se falou inclusive de maratonas de festas que duraram vários dias seguidos, há momentos em que a tua tentativa de entrar pode ser mais bem sucedida.

Se tentares chegar nas primeiras horas da manhã de domingo, por volta das 3:00 ou 4:00 da manhã, as tuas hipóteses de entrar são muito maiores, uma vez que as filas são relativamente pequenas. Claro que a Berghain normalmente fecha às 9 aos domingos, mas isso significa que já tiveste cerca de 5 horas de rambóia.

7. Mitos e teorias da conspiração

Infelizmente, não há nada a provar ou refutar nada disto, e há mesmo aqueles que, desesperados, propuseram que o processo de entrada é apenas uma farsa fetichista por parte dos porteiros, que tomam a decisão arbitrariamente.

Já tinhas ouvido falar?