Estudante universitário defende o facto de ter bebido uma garrafa de Jack Daniels com 2 litros em 18 segundos

 

Um estudante que foi rotulado com “imprudente” depois de partilhar um vídeo a beber uma garrafa de Jack Daniels com quase 2 litros tenta defender o seu ato inconsciente.

O vídeo chocante mostra Jaleb Gann numa festa com uma camisola da University of Kansas vestida e a agarrar uma garrafa de 1.75 litros de Jack Daniels.

Depois de tirar a tampa da garrafa, pôs uma palhinha dentro da garrafa e começou a beber enquanto os colegas o observavam.

É possível ouvir uma rapariga a dizer: “Não faças isso, Jaleb” enquanto os restantes o incentivavam.

Ele terminou a garrafa em 18 segundos.

Depois de ter sido partilhado no TikTok, as suas ações foram condenadas por muitas pessoas que o chamaram à atenção pelo seu comportamento imprudente.

Um pessoas comentou: “O facto de ser 2021 e ainda haverem pessoas a fazer isto depois das inúmeras mortes que atitudes com esta já causaram diz muito.”

Outra disse: “RIP ao teus rins e fígado. Quem me deram ter rins funcionais e não fazer isto com eles. Nunca tomem a vossa saúde por garantida.”

 

No entanto, Jaleb tentou desde então defender o vídeo, dizendo: “Não é a melhor ideia de sempre gabar-me disto no TikTok. Mas como digo a maior parte das pessoas, não é fixe mas é impressionante. Não há muitas pessoas que consigam beber tanto, mesmo que seja água.”

“É definitivamente perigoso. Eu tenho bebido muito este último ano e tenho treinado para chegar aos 1.75 litros, e agora consegui.”

“Não era propriamente um objetivo. No início não sabia que conseguia beber tanto. Assim que percebi que conseguia continuei a acrescentar mais e mais e depois pensei ‘quanto será que consigo atingir?’. Assim que consegui, foi um grande acontecimento.”

“Com os meus conhecimentos em ciência fico preocupado com as consequências de beber a garrafa toda mas independentemente disso tenho andado a fazê-lo desde o Halloween.”

Acrescentou: “Fico preocupado que pessoas mais novas tentem replicar porque é uma feito ao nível de um recorde mundial. Não é uma coisa que qualquer pessoa consiga fazer.”

“Se alguém morresse por causa disto, iria sentir-me muito mal mas não consigo controlar o que as outras pessoas fazem.”

“Eu consigo ver o recorde a ser batido um dia. Se alguém decidisse tentar, ia ser muito assustador, especialmente se pensassem que iam conseguir à primeira.”

“Neste momento, o recorde mundial é meu e pretendo parar. Tudo vai depender de se o recorde é batido, de quão velho eu dor e de quanto é que me vai apetecer fazê-lo.”

“Outro homem conseguiu beber 95% da garrada em 30 segundos, nem a conseguiu acabar. Eu considero-me o mais rápido uma vez que consigo acabar a garrafa em 18 segundos.”

“E também sou a pessoa mais nova a fazê-lo.”

A University of Kansas foi notificada para comentar a situação.