Fotografia de sala com aparelhos para despedida virtual em hospital mostra a dimensão da pandemia

 

Em nenhum outro país se morre mais de COVID-19 do que nos Estados Unidos da América. Após alcançar mais de 3 mil mortes diárias, o país enfrenta o drama de hospitais sobrelotados e a falta de profissionais de saúde, que também estão a ficar doentes a um ritmo impressionante.

Uma imagem publicada recentemente no Twitter por um médico ilustra bem a situação dramática. Na fotografia, são vistos vários iPads numa sala de hospital.

 

“Aqui estão os iPads que são preparados para as visitas virtuais com o objetivo de realizar as últimas despedidas aos doentes que se encontram nos cuidados intensivos”, escreveu o autor da publicação, de acordo com o que publicou o Mirror.

“Eu tive de utilizar isto com a minha mãe, que nem sequer estava consciente. Foi a pior coisa que fiz na vida, para além de a ver sem vida num caixão. E ainda há quem diga que isto é uma brincadeira”, completou.

A publicação tornou-se viral e muitos disseram ter sido forçados a despedir-se de parentes da mesma forma.

Muito triste.