Gelado testa positivo para a COVID-19

 

Três amostras de gelado testaram positivo para a COVID-19 na China.

As autoridades de saúde estão agora a tentar identificar as pessoas que possam ter entrado em contacto com esses gelados, que foi produzido pela Tianjin Daqiaodao Food Company, na região de Tianjin.

Um total de 4.836 caixas pode estar contaminada, sendo que 2.089 foram seladas e já estão seguras, de acordo com o que reportou o China Daily.

As autoridades estão agora no processo de investigar as 65 caixas que foram vendidas no mercado local depois do resultado dos testes.

 

Cada caixa contém seis velados e os produtos foram feitos utilizando leite em pó vindo da Ucrânia e soro de leite em pó vindo da Nova Zelândia.

O vírus pode ter sobrevivido no gelado devido às temperaturas geladas e pelo facto de o gelado conter gordura. No entanto, o Dr. Stephen Griffin, virologista baseado na Universidade de Leeds, disse que provavelmente estamos perante um “caso único” e que não deverá haver motivo para alarme.

Para quando o fim do coronavírus?

Fonte: FoxNews