Homem constrói um túnel que o levava até à casa da sua amante

 

Para manter um romance bem oculto, um construtor fez uso do seu conhecimento e decidiu construir um túnel desde sua casa até à casa da sua amante em Tijuana, no México.

Tudo estava a correr bem, porque nunca ninguém tinha visto o homem a entrar em casa da amante, pelo que o plano parecia perfeito. O problema foi quando o marido dela descobriu um buraco debaixo da sua própria cama.

Muitos já o compararam com Joaquin “El Chapo” Guzmán, barão de droga que se tornou muito famoso por usar túneis para traficar narcóticos na fronteira entre o México e os Estados Unidos.

Acontece que Alberto, o construtor responsável pela façanha, criou um túnel em prol do amor, de forma a poder aproveitar todos os momentos em que Jorge, marido de Pamela, saía para trabalhar.

 

De acordo com a imprensa em Tijuana, a certo dia, Jorge saiu mais cedo do trabalho e encontrou a mulher com Alberto na cama. Quando quis confrontar o homem, este fugiu para debaixo da cama e quando o marido, enfurecido, tentou tirá-lo de lá, reparou que ele tinha desaparecido, quase como que por magia.

Depois de ter visto debaixo da cama, constatou que estava lá um grande buraco e foi isso que o fez descobrir o túnel.

Alberto chegou a casa com medo de ser descoberto mas não contava que Jorge entrasse no túnel. Quando se encontraram, já em casa de Alberto, este implorou-lhe que não acordasse a sua mulher mas Jorge acordou-a e contou-lhe tudo o que se passou.

Eventualmente, as autoridades foram chamadas ao local.

Que filme daqueles.