Homem é multado em 600€ por tratar um polícia por “tu”

 

No verão passado, um homem foi multado em Lugo por “atitude desafiante” quando decidiu intervir para ajudar um malabarista que não falava espanhol.

O incidente deu-se no passado 16 de agosto de 2021 e Alejandro teve uma conversa com um polícia em que acabou sancionado por “falta de respeito a um agente da autoridade” depois de o ter tratado por tu.

Confere:

 

Tratar por “tu” um polícia deu multa

Esta situação surgiu como resultado da preocupação de Alejandro quando três agentes do Corpo Nacional de Polícia (CNP) intervieram com um malabarista polaco que estava na rua a soprar bolhas de sabão, uma pessoa que não falava nem espanhol nem galego e que era conhecida da vizinhança.

Alejandro, depois de perguntar às pessoas à sua volta, aproximou-se dos agentes para ver se alguma coisa tinha acontecido, uma vez que o malabarista não estava a compreender a situação, e disse-lhes que nenhuma portaria afirmava que o que esta pessoa estava a fazer era ilegal. Nessa altura, pediram-lhe o seu cartão de identificação e disseram-lhe:

“O que estamos a falar com este homem não é da sua conta, somos a polícia e estamos a fazer o nosso trabalho”. Alejandro respondeu com “desculpa mas não quero saber” e o resto é história.

Seis meses após o evento, a 4 de fevereiro de 2022, Alejandro recebeu uma multa no valor de 601 euros por “recusar identificar-se e abandonar o local sempre numa atitude desafiadora”.