Ladrão rouba telemóvel e dá-se mal: a vítima era lutadora de MMA

 

Uma jovem de 20 anos e 1,50m de altura foi vítima recente de um assalto no centro de Mar del Plata, Argentina. Esta seria mais uma história de crime comum, não fosse a argentina uma lutadora de MMA…

Identificada apenas como Brisa, a jovem, ao sair do trabalho, teve o telemóvel arrancado das mãos pelo ladrão, que saiu a correr, de acordo com o que reportou o La Nación.

O incidente ocorreu em 10 de novembro, mas só recentemente se tornou viral e foi noticiado pela imprensa argentina. Ao canal Telefe, a argentina disse: “Ele era mais alto que eu e teve muita vantagem ao começar a correr. Mas umas pessoas ouviram os meus gritos e conseguiram pará-lo”.

 

Uma amiga do trabalho deu boleia a Brisa até ao local em que o ladrão tinha sido parado pelos pedestres. Ao chegar, Brisa decidiu lutar contra o homem e imobilizou-o com socos e golpes de jiu-jitsu.

A certo ponto, o homem estava preso num mata-leão.

Em entrevista ao canal Eltrece, Brisa declarou ter ficado com “muito ódio” porque havia trabalhado meses para ter condições de comprar aquele telemóvel.

CLICA AQUI PARA VER O VÍDEO

Grande.