Jovem compra um Fiat 128, o seu primeiro carro, e é ENXOVALHADA na internet

 

Todos os adolescentes sonham em possuir o seu primeiro carro e ganhar independência para ir a qualquer lugar, sem depender dos seus pais ou dos transportes públicos para dar um passeio.

E enquanto alguns sonhavam com um Mustang ou com um Mini Cooper, esta rapariga tinha um carro em mente: um Fiat 128. Quando finalmente o comprou, publicou-o nas redes sociais e, em vez de receber elogios, recebeu muitas críticas por ter comprado um carro que muitos consideram bastante antiquado.

A utilizadora do Twitter Luly Basile partilhou uma imagem com a sua mais recente aquisição, um Fiat 128, com a mensagem “Com esforço e dedicação, tudo se consegue. Bem-vindo”, porque depois de poupar dinheiro e de passar por um ano difícil como 2020, este feito representou muito para ela.

Contudo, o que para ela foi a realização de um sonho, para muitos utilizadores da rede social foi motivo de chacota, porque em vez de a felicitarem por ter comprado o seu primeiro carro, começaram a criticá-la por ter adquirido um carro relativamente antigo e estar a gabar-se dele nas redes sociais, uma vez que, segundo eles, este carro está bastante desatualizado e que, se esta rapariga vivesse no primeiro mundo, teria comprado um Mercedes ou um BMW.

 

Acontece que o seu tweet ficou viral devido aos comentários negativos, sendo que outros utilizadores eventualmente começaram a entrar na discussão para a felicitar com mensagens de apoio e felicitações pela sua nova aquisição.

De momento, Luly Basile está feliz pelo seu novo carro. Devido à popularidade da sua publicação, foi contactada por pessoas que tiveram o mesmo modelo e até o segundo proprietário do seu veículo lhe enviou uma mensagem e disse-lhe que tinha comprado aquele carro para ele e para o seu pai e que repará-lo era o seu projecto comum.

Luly dedicou a seguinte mensagem a todos aqueles que a criticaram nas redes sociais:

“Obrigado a todos aqueles que deram boas vibrações, bem como àqueles que felicitaram e comentaram anedotas ou coisas boas. E àqueles que fazem maus comentários ou críticas, desejo-lhes muito amor, porque se são tão influenciados pelo que alguém que não conhecem faz, então precisam mesmo muito de amor”.

O que dizer?