Os 5 poderes mais absurdos que o Super-Homem já teve e que muito poucos conhecem

 

Kal-El já dispensa apresentações e quando falamos das suas capacidades incríveis, pensamos imediatamente na sua capacidade de voar, super força, super velocidade e visão raio-x, mas esta personagem é capaz de muito, muito mais.

Os super-heróis da banda desenhada têm de fazer o impossível para salvar o dia, e quando os escritores os colocam em situações muito complicadas e bizarras, também têm de “inventar” poderes igualmente bizarros para os tirar desses problemas. E isto já aconteceu várias vezes ao último filho de Krypton nas bandas desenhadas e filmes.

Vários argumentistas e escritores deram ao Super-Homem estas estranhas habilidades para que ele pudesse derrotar os seus inimigos, manter a sua identidade em segredo, ou mesmo sobreviver face a um ataque diferente do normal. Conhece essas habilidades…

1. Beijo de amnésia

Obviamente que um beijo do Super-Homem de Henry Cavill faria qualquer pessoa enlouquecer, mas esta habilidade foi utilizada por Christopher Reeve. No filme Super-Homem 2 (1980), Lois Lane monta uma armadilha para o super-herói e descobre a sua identidade secreta.

No final do filme, Kal-El, vestido como o repórter Clark Kent, beijou a sua queriduxa, mas este “super beijo” foi capaz de apagar a memória de Lois e assim fazê-la esquecer a sua identidade… bem como tudo o que aconteceu no filme.

2. Raio reparador

O Super-Homem não só consegue destruir com os seus olhos, como também pode reconstruir com os mesmos. No filme Super-Homem 4: A Busca da Paz (1987), o Homem Nuclear inimigo destrói uma parte da Grande Muralha da China e o Super-Homem usa um relâmpago azul para reparar as paredes que foram destruídas.

3. Voltar atrás no tempo

 

Se há uma coisa que aprendemos com os filmes de super-heróis, é que o que sabemos sobre viagens no tempo é uma treta, mas pelo menos alguns deles tentam ser consistentes com a forma como o mundo real funciona.

No caso do Super-Homem (1978), o super-herói voa à volta da Terra para alterar a sua rotação natural e voltar atrás no tempo para evitar a morte de Lois Lane. Claro que isto foi mais o resultado da sua capacidade de voar e super-velocidade, mas ainda assim é totalmente absurdo.

4. Super apetite

Sabemos que o Flash tem um metabolismo super-acelerado e é por isso que é um poço sem fundo, sendo que tem de estar constantemente a comer. Mas quanto ao Super-Homem, ele uma vez teve de passar o dia inteiro a comer para salvar a sua vida.

Em Action Comics #454 (1975), o vilão Toyman deu ao Super-Homem um murro que acelerou o seu metabolismo até ao limite. Para além disso, a energia solar que lhe dá a sua força foi alterada, pelo que o super-herói teve de comer durante muito, muito tempo para se manter acordado.

5. Superbaile

Pensavam que só o Batman é que conseguia dançar? Na banda desenhada The Superman Family #196 (1979), Clark Kent estava numa homenagem ao seu trabalho como jornalista e descobre que um inimigo plantou uma bomba nas instalações.

Em vez de usar a super-velocidade para a destruir, o Super-Homem expôs os seus melhores movimentos de dança para que as vibrações dos seus pés neutralizassem o explosivo. Ele salvou o dia e deixou todos admirados com o seu super ritmo.