Polícia apreende 160 kgs de cannabis, reporta apenas 1 kg e vende o resto

 

Quatro agentes da autoridade na Índia foram suspensos depois de terem alegadamente vendido 159 quilogramas de erva que havia sido confiscada de um traficante de droga local.

Os polícias da esquadra de Jahangirpuri, em Delhi, estiveram envolvidos numa rusga que ocorreu a 11 de setembro e onde conseguiram confiscar 160 quilogramas de erva, tendo detido um homem, Anil, que tinha o produto em sua posse.

Um agente da mesma esquadra explicou ao Hindustan Times que o grande carregamento de cannabis foi levado até à esquadra mas depois de terem prendido Anil, os quatro polícias envolvidos na rusga decidiram reportar apenas o confisco de 1 quilograma de erva, com o intuito de venderem o resto por fora.

O documento oficial mostra que apenas foi reportado a apreensão de 1 kg e não dos 160 kgs originais e os agentes envolvidos, alegadamente, venderam os 159 quilogramas restantes e distribuíram o dinheiro entre eles.

 

O comissário Vijayanta Arya acabou por descobrir o que se passou e inquiriu todos os envolvidos na história, inclusive o próprio Anil, que revela que foram efectivamente confiscados 160 quilogramas de cannabis da sua residência.

Arya disse que os quatro polícias foram suspensos depois dos inquéritos e que a investigação ainda está a decorrer com o intuito de perceber para onde foi vendida a marijuana remanescente.