Professora apanhada a agredir um cavalo durante aulas de equitação

 

Uma mulher de 37 anos de idade foi duramente condenada pela Sociedade Protetora dos Animais (RSPCA) depois de ter surgido um vídeo seu a dar chapadas e pontapés a um cavalo durante aulas de equitação.

A agressora foi identificada como Sarah Molds, mãe de duas crianças e professora do ensino primário associada ao Pony Club, em Leicestershire, Inglaterra.

 

De acordo com o que reportou o Daily Mail, Sarah agrediuo cavalo como forma de repreensão por ele ter corrido para longe enquanto outros animais que participavam nas atividades estavam a ser recolhidos.

O melhor é veres por ti:

O vídeo foi publicado pelo Hertfordshire Hunt Saboteurs, um grupo que atua contra os maus tratos a animais. A RSPCA está a equacionar apresentar queixa contra a britânica.

O que dizer?