“Submarino de droga” que carregava 15 milhões de euros em cocaína é interceptado pelas autoridades

 

Uma enorme rusga realizada na cidade de Tumaco, na Colômbia, desmantelou uma grande rede de tráfico e foram interceptados cerca de 15 milhões de euros em cocaína.

Foi no dia 23 de agosto que a Polícia Nacional Colombiana confiscou a cocaína que circulava num submarino, numa operação sofisticada realizada pelos barões da droga para a fazer passar por debaixo de água.

Um vídeo incrível mostrou o momento em que um agente da autoridade entrou no submarino para retirar uma série de embalagens de cocaína, que alegadamente estavam a ser transportados por um poderoso cartel mexicano.

 

De acordo com o Daily Mail, o Ministério de Defesa Nacional avaliou o submarino em cerca de 1 milhão de euros, sendo que o mesmo tinha espaço suficiente para carregar cerca de três toneladas de cocaína.

Para além do amplo espaço de armazenamento, consta-se que o submarino também contava com um sistema de navegação único que fora programado para entregar a cocaína em Jalisco, México, durante a primeira semana de setembro.

No entanto, a polícia antecipou-se e não só interceptaram o submarino como as três pessoas que se encontravam no interior do mesmo.

Os serviços de inteligência esclareceram que o carregamento foi organizado pelo Grupos Armados Organizados Residuales E-30, um dos gangues mais famosos e perigosos da Colômbia.